Verdades que ninguém conta

0e4545749_1442929748_blog-in-defense-of-sadness

O mundo enxerga a depressão e tenta a curar e tratar mas ainda não entende ela, não sabe como ela surge e porque, a verdade é que depressão é tristeza pura e simplesmente e o porque varia mas no fundo existe um só motivo;

Falta de amor…
Eu tenho depressão a mais de 17 anos, não me orgulho disso mas é esse o tempo que minha vida está praticamente parada no tempo.
Antes de mais nada é preciso que saibam que depressão não é algo simples ” você perde a fome, cai de cama, chora o tempo todo, quer se matar” não é simples assim …aaa se fosse, quem me dera;
Fico imaginando como seria se nos meus momentos de maior tristeza eu perdesse a fome,ia emagrecer mas é ao contrario, fico triste e ansiosa e dai dano a comer, doce então nem se fala e salgados, nossa da uma vontade insana.
Existem vários tipos de depressão, tem a depressão leve, que dura apenas alguns meses;
Tem a depressão mais séria que te incapacita te faz pensar em morte e pode vir o suicídio e tem a depressão severa que pode durar anos.
Tem a minha, o meu tipo que é considerado o mais grave , não porque possa matar mas porque é difícil de se enxergar, a Distimia;

tumblr_ljrxugQtMG1qixleeo1_500
Nesse tipo de depressão você é capaz de sorrir, se divertir até, sair de casa…
Esses períodos eu chamo de despertar, é como se eu acordasse de um sono profundo, de um sonho ruim de-repente,
Nesses momentos me sinto animada, traço planos, sorrio, brinco, me divirto mas, eles duram pouco, muito pouco e nunca saberei dizer o tempo que duram, sempre varia , as vezes duram minutos, outros horas e quando tenho sorte dias mas eu sempre sei que dura pouco.
A distimia te rouba momentos, pessoas, amores, amigos e até a família, ninguém é capaz de entender essa doença, só quem vive ela, sim, digo vive porque é muito difícil conseguir sair dela justamente porque ela é invisível, nem os médicos acreditam em minha condição.
Todos os dias em que eu acordo eu penso no que vou fazer, eu rezo todos os dias por um pouco de animo, por força apenas para conseguir me mexer porque, e me sinto presa a correntes mais fortes que qualquer coisa.
A família não entende…você tem saúde, pode se mexer, sair, aparentemente se sente bem e capaz então por que? por que não vai atrás de emprego? por que não estuda? por que não se mexe?
Nem eu mesma consigo explicar…é uma agonia sem fim, uma dor profunda de não conseguir ser você mesma, de estar presa numa prisão invisível e não ter ninguém para sequer lhe dar o ombro.
Angustiante é ver a preocupação dos outros, as cobranças e não conseguir fazer nada, se sentir impotente.
O que me fazia feliz vai sumindo com os anos…
Antes, passear no shopping me deixava feliz, comprar algo, comer fora…hoje isso já não me traz qualquer prazer;
Gostava de sair e andar por ai mas hoje é uma tarefa agonizante e irritante.
Ver pessoas se tornou uma tarefa árdua, se por um lado quero ver pessoas e amigos por outro não quero também é uma luta interna.
Aos poucos a distimia vai roubando seu prazer, suas alegrias…comer doces…acho que meu predileto era mousse de chocolate, hoje, não sinto nada.
Hoje eu to aqui, em casa, enrolada no edredon, com fortes dores na coluna sabendo que preciso ir no médico, me tratar, me cuidar mas…não consigo ir, um misto de lembranças dos mais de 6 meses fazendo fisioterapia longe de casa, as dificuldades e a falta de animo me dominam.
Pensar em sair, ir atrás de outro médico que não sei se vai me ajudar, ter que fazer exercícios que odeio fazer, ta ai uma coisa, eu sempre resisto muito a fazer o que não gosto, parece que estão me matando é terrível, não sei aceitar, não sei…mas para melhorar da dor é preciso fazer algo e como não posso pagar por pilates, rpg nem nada do gênero tenho que fazer o que não gosto e, lá entra a resistência de novo.

tumblr_o2c8njwbDm1v3tn7co1_500Sinto falta da pilates, foi um ano bom, gostava de todos que conheci, gostava dos exercícios, de tudo, hoje sinto falta, uma falta tremenda que nunca pensei que iria sentir .
As pessoas acham que tenho dinheiro, que não sou pobre e que se sou é porque não me esforço, não vou atrás, que ta bom assim como tá.
Me dói e me assusta pensar que meus pais não estarão comigo aqui para sempre, me dói pensar o que preciso fazer para ter dignidade porque, se você não tem formação, emprego, você não existe perante a sociedade e as pessoas sempre te olham torto, inevitável.
Por que você não faz exercício?
Por que não sai a procura de emprego?
Por que não se mexe?
Ninguém sabe, ninguém sabe o quanto dói ouvir isso, o quanto dói pensar;
Por vezes nem eu mesma sei dizer porque eu não faço nada por mim mesma, porque não me mexo,
Eu posso andar, posso correr, sou saudável fisicamente então por que?
É como se tivesse uma força maior do que eu me puxando pra baixo, me prendendo…é como se eu estivesse dormindo e não conseguisse me mexer ou sair desse sonho ou pesadelo;
Uma mulher me contou que os pais dela já morreram e que ela vive com a irmã, que a irmã é que sustenta ela hoje e eu, fiquei apavorada,com medo de que isso aconteça comigo, medo de não conseguir me curar ou controlar essa doença…medo de ficar sozinha no mundo, mais sozinha do que já me sinto .
Todos os dias eu acordo, faço o que me mandam fazer, lavo a louça, arrumo as coisas, uso o banheiro, tomo banho e ligo o computador, fico o dia todo nele tentando esquecer de tudo, tentando não pensar em nada, me entorpecendo porque;
Quando eu penso, quando eu penso em como estou, no tempo que passou a dor é insuportável e eu não consigo respirar,dói mais do que posso aguentar e o pensamento de morrer é inevitável .
Quando eu me lembro de tudo, nessa hora parece que um buraco negro me suga para dentro eu simplesmente não consigo pensar, lembrar.
E então eu me entorpeço, me esqueço, me recuso a pensar em qualquer coisa e fico nesse estado entre sono e pesadelo.

tumblr_nmgietqsAu1s661x2o1_500
Já disse certa vez que precisava que alguém me pegasse pela mão e me levasse em um médico porque eu não sou capaz de fazer isso sozinha mas,
As pessoas não entendem,não aceitam e continuo assim…
Amigos, pessoas que gosto vão se afastando aos poucos, todos se cansam porque nada muda então eles se cansam e vão embora simplesmente;
A ajuda é sempre a mesma…faça algo que gosta, faz um curso, estuda, procura um trabalho qualquer só pra se ocupar, tenta.
Elas não sabem que a cada vez que falam isso eu morro, é doloroso porque eu sei que eu tenho que fazer isso mas não tenho como explicar porque eu não consigo, porque não faço, como alguém pode entender algo que nem eu mesma entendo?
Sim, a depressão é um monstro que eu travo uma luta diária, todos os dias e sim, é verdade, as vezes esse monstro da uma folga mas é tão breve que a dor a seguir vem maior, porque você vê o que pode fazer, ser, tem um pequeno gosto da vida e então esse monstro chamado depressão vem e te lembra que você não pode ser feliz, que você não tem o direito de viver.
Procurar médico no SUS, já o fiz, estou na espera a tempos, já fiz terapia com 3 terapeutas que nunca quiseram me curar, só tratar os sintomas ou pior, que eu trabalhasse mesmo estando triste porque com dinheiro algumas coisas ficam melhores ou menos ruins.
Hoje de fato tenho que admitir, com dinheiro as coisas ficariam menos ruins, sim, um emprego, ter dinheiro me faria ter alguma dignidade.
Você te que pegar um ônibus caindo aos pedaços todos os dias, ficar pulando no banco com sua coluna ruim sem poder levar “solavancos” e ver ela piorar, ver as dores aumentarem…ou andar, andar nas ruas cheias de buracos.
Se imagine na seguinte situação:
Você mora com seus pais desde que nasceu, já tem 35 anos, chegou a trabalhar mas a depressão veio antes e você não se formou, não fez curso nada, sempre parou tudo e depende de seus pais para tudo, para comer, para viver, para se locomover;
Não tem dinheiro seu, não pode comprar um shampoo, sabonete, itens básicos que todos deveriam ter direito mas não, são seus pais que compram.
Tenho sorte em te-los comigo, tenho sorte por eles poderem pagar minhas coisas mas, ao contrário do que muitos pensam não é uma situação comoda ou boa.

Chega uma hora que você vira um peso, que você da mais trabalho do que alegria, chega uma hora que eles cansam e cansam porque nossa vida nunca foi fácil, não somos ricos, vivemos em uma situação difícil atualmente onde ter que sustentar um ou mais filho se tornou um problema muito grande.
Sim, preciso de ajuda;
Sim, quem tem depressão pede ajuda todos os dias mas, as pessoas não querem mimimi, elas não querem alguém que reclame todos os dias perto delas, elas não querem alguém triste ao seu lado porque como dizem “Quero ao meu lado só quem me faz bem e me inspira”
Pessoas com depressão não se encaixam nesse quadro bonito…
Raras são as pessoas que entendem e ajudam, pessoas amigas de verdade que ficam com você nos momentos mais escuros.
Quem sabe eu consiga sair dessa sozinha…quem sabe.
A verdade é que não tem como saber como é ter depressão sem viver isso, adoraria que alguém entendesse sério, mas não tem como e essa é a realidade, a única coisa a ser feita é se tratar e quem sabe encontrar em seu caminho anjos dispostos a te apoiar e ficar com você nos piores momentos de sua vida, porque só com amor e carinho somos capazes de suportar a dor e nos curarmos.

 
 

Esse post é parte do BEDA,

Abaixo você encontra os outros blogs que estão participando desse loucura toda:

 
 

Relacionado...

11 Conversas em “Verdades que ninguém conta

  1. Olá, amiga… Entendo, mesmo que realmente não saiba o que estás passando, e me compadeço muito com sua situação. Na minha família, temos alguns casos de depressão, e até um de suicídio, e é verdade o que você disse, que quando se está nessa condição, precisa muito de amor, carinho, compreensão, e não de críticas, julgamentos… Meu esposo sofre de transtorno de ansiedade generalizada, e às vezes, é difícil conviver com ele, é angustiante pra quem está de fora, não poder ajudar… Mas pode ter certeza que vai passar, viu? Estou aqui pro que precisar, se quiser conversar ou ouvir minhas piadas sem graça! E saiba que logo logo você vai encontrar um bom profissional que vai te ajudar de verdade, não deixa de procurar ajuda profissional, aqui em casa fez toda a diferença! No mais, fica bem, não perca a esperança, tenha fé! 🙂
    Xero grande!

    1. É, eu já pensei em me matar uma vez, cheguei a planejar como faria, onde compraria o veneno e tudo então, em uma dessas correntes que tinha que imprimir não sei quantas paginas eu fui entrar na Igreja, encontrei uma mulher lá e do nada comecei a falar com ela,, descobri que ela era além de psicologa espirita e ela me ajudou, eu desisti e to aqui hoje, eu não acredito que tenha sido uma coinscidencia, acredito que não era minha hora e que tenho algo mais a fazer aqui, só não sei ainda o que rsss
      Muito obrigada pelas palavras, esperança é o que me mantém aqui,
      Bjs e abraço grandeeee

  2. Fer, seu post me tocou muito. Eu nunca tive ligação como nenhum pessoa que sofre de depressão e apesar de não sermos íntimas, parece que eu senti um pouco do que você sente, lógico que não completamente porque só quem sofre desse problema sabe o quanto é ruim, mas quero que você saiba que você vai sair dessa, que vai dar tudo certo, que você vai se sentir uma pessoa vencedora logo logo. Adoro seu blog e você parece ser uma pessoa maravilhosa, acredite em você que tudo vai dar certo! ?

  3. Então… seu relato foi bem sincero e profundo!
    Tenho uma amiga e inclusive já sai com um rapaz que era depressivo e posso te falar uma coisa? As vezes é confuso, não sabemos lidar, mas reparei, pessoas depressivas são sinceras, transparentes, autenticas, sem medo de serem e demonstrarem o que sentem, pelo menos foi essa experiencia que tenho com minha amiga e com o meu crush rsrsrs
    E eu acho isso incrível, as vezes, nós, pessoas “normais”, escondemos muitos sentimentos e isso é péssimo!
    Uma coisa que pode te ajudar é se apegar em Deus, sério, na vida enfrentamos muitos problemas, você a depressão, outra pessoa uma enfermidade, outra problemas financeiros, e tem aqueles que enfrentam vários problemas ao mesmo tempo e por aí vai, se apegar com Deus te dar força e esperança! Acredite! Ore sempre, busque ter sua amizade e companhia e você vai ver como vai te ajudar neste teu problema! Jesus quer ser nosso amigo, e passar momentos conosco! Tá bom? Melhoras aí, continue se cuidando, e força que no tempo certo tudo vai ficar bem, só não perca jamais essa sua essência, e seja sempre assim transparente!

    bjssssss

    1. Isa…
      Sabe que sempre fui assim? talvez pessoas sensitivas sejam mais propensas a terem depressão afinal, sentimos tudo triplicado imagina só rsss
      Sim, me apego a Deus e aos Deuses e Deusas eheheee sempreee pode deixar.
      Muito obrigada pelas palavras e pelo carinho
      Bjs mil

  4. Fernanda,
    eu não sei bem o que dizer, até porque sei que palavras não são suficientes pra fazer uma pessoa sair da depressão, não é tão simples assim. Seu relato me tocou profundamente, talvez porque também passei por isso, e às vezes ainda passo. Eu entendi você.
    As dicas que a Erika te deu são ótimas, tenta colocar em prática. Uma das coisas que me ajudou a ajuda até hoje, é escrever. Seja de uma forma desajeitada mesmo, em forma de relato, verso ou poesia, encontrei nas palavras conforto. Você não precisa publicar (a não ser que você queira), apenas escreva. Assim como falar, escrever também pode aliviar dores emocionais.
    Se precisar conversar, estou à disposição. De verdade.
    Fica bem!

  5. Seu relato é bem profundo! Uau! Deixa eu respirar aqui, rsrs
    Então, eu não sei bem o que dizer, mas é complicado ler um relato tão sincero como esse e querer dizer algo que possa ajudar e não dizer nada, mas acredito que qualquer coisa que eu diga você já deve ter ouvido de outras pessoas. Então não te darei esses “conselhos” de quem não entende.
    Eu vou falar então de mim. Eu nunca fui diagnosticada, mas entendo perfeitamente desse sentimento. E eu tô falando sério. Eu passei por isso, às vezes ainda passo, mas na adolescência era pior. Eu tinha pensamentos muito ruins, vontade de fazer coisas e não conseguir fazer nada. Eu sei exatamente o que é simplesmente não conseguir. Não tem explicação.
    Como eu sai disso eu também não sei explicar, mas se vale de alguma coisa, vou te dar umas dicas do que eu fiz.
    A primeira coisa que me ajudou muito (e ainda ajuda) é música. Sabe quando você encontra aquele artista que parece que ele fez a música baseada em você? Parece que ele te entende? Pois é, encontre esses artistas! Ouça as músicas deles sem parar. Aproveite os momentos que passa no computador e pesquise artista que você não conhece, escuta, seleciona os que você gosta e os que não gosta. E tudo o que for fazer, faça com música tocando. Mas tem que ser aquelas que te tocam, sabe?
    Outra coisa, que você pode (pode não, deve!) fazer é se desafiar a fazer coisas fora do comum, fora da sua zona de conforto. Comece com coisas pequenas, exemplo: “amanhã eu me desafio a arrumar aquela gaveta que tá bagunçada e que eu tô adiando a anos de arrumar”, ou amanhã eu me desafio a sair de casa e dar a volta no quarteirão e contar quantos fuscas eu vi passando”, ou sei lá, qualquer coisa que seja meio louco, diferente, mas nada que exija demais de você. Tente sempre viver cada momento. Não se cobre ter um emprego ou estudar ou qualquer outra coisa grande demais antes de se cobrar a fazer pequenas coisas.
    E, qualqueeeeeeer coisa que queira conversar, pode me chamar lá no meu blog ou no facebook. Conversar ajuda bastante também.
    Fica bem! Um beijão

    1. Erika,
      É complicado né? quando queremos ajudar mas não tem muito o que dizer, sabe que eu acho mesmo que as pessoas ainda não se deram conta que a melhor forma de ajudar é dando amor e carinho?
      Ok, a gente não pode obrigar ninguém a gostar da gente é fato mas, amor, amor é algo universal, é o sentimento mais belo que existe, é o que da sentido a tudo, o amor é poderoso, capaz de coisas que ninguém sabe ainda, acho que falta isso nas pessoas e penso que é por isso que a depressão existe.
      Um médium me disse certa vez que fui falar com ele que eu estava curando algo com essa doença, acho que é isso sabe e penso que é verdade quando dizem que quem tem depressão não é fraco, é forte porque é preciso uma força sobre humana para conseguir aguentar a dor e ainda querer se levantar da cama.
      Sim, musica me faz bem, a que mais amo e nem sei o motivo é a Shania Twain mas acontece que não consigo mais ouvir como eu gostava…agora, minha irmã perdeu o emprego então estamos eu, ela e minha mãe em casa o dia todo, imagina só hahahaaaa
      Antes da minha mãe se aposentar eu limpava a casa ao som dela, da Shania Twain e dançava, dançava muito e cara, nem curto musica country como pode? e as letras a maioria é romantica nem tem muito a ver com meu momento de vida mas o som e a voz dela, me encantam, da a louca e saio dançando, sonho ver um show dela, pena que ela até hoje não veio pro Brasil né.
      Sabe que é verdade o que tu disse? de fazer algo diferente…eu gosto mesmo, tenho me forçado a sair, a andar onde não andava tipo, hoje vou andar até tal lugar e dai vou rsss mas é tanta coisa, queria conseguir me centrar sabe, me concentrar pra minha cabeça não ficar essa bagunça, fico feliz quando consigo fazer algo…
      Enfim, te agradeço muito por suas palavras de verdade, fico muito feliz em saber que o que eu escrevi, consegui me fazer entender, editei umas 3 vezes ainda para conseguir passar o que eu queria então, to feliz por ter conseguido.
      Beijo e abraço grandeeee
      E pode deixar que chamo ein hahahaaa

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *