Sobre Bullying,preconceito e outras historias

black-fashion-girl-hair-love-Favim.com-137806
Faz um tempo que vejo falarem sobre Bullying na tv, episódios violentos, outros nem tanto, antigamente não se falava sobre isso, nem mesmo sabia o que era essa palavra mas então ela surgiu na tv, nos jornais, em sites e se espalhou rapidamente, logo todos falava sobre isso.
Muitos falam sobre o mal que isso causa a quem sofre bullying mas poucos entendem de verdade afinal,nunca passaram por isso, não sabem realmente e muitos pensam ser bobagem de crianças, que não é tão grave quanto pintam e quem pratica bullying então continua pois sabe que nada vai acontecer com ele ou ela, que não sera punido.
Faz muito tempo mas, desde a infância sofri muito e isso começou na primeira serie quando a professora me mudou de sala por que disse que eu era muito brigona, arranjava muita briga,chegou ainda a recomendar a minha mãe me levar num centro espirita.
Então ao mudar de sala os amigos que pensei ter deixaram de falar comigo, fingiam que nem me viam e comecei a me calar, ficar mais quieta e ali então os meninos começaram a me perseguir, me chamavam de vários nomes além de ficar atrás de mim…
A timidez então veio e me fechei passei para o segundo ano e as coisas só pioraram, nessa epoca usava tiara e os meninos então a pegavam, tiravam sarro e as coisas foram piorando, os insultos e chegaram a agredir fisicamente,beliscavam, me empresavam contra mesa e eu ao falar, pedir a ajuda da professora ela me mandava ficar quieta e eles continuavamriam.
Um menino em especial me perseguia muito, até que um dia a coisa piorou demais, ele com a ajuda de um amigo dele me prendeu dentro da sala de aula na hora do recreio e me humilhou, chegou a passar a mão em mim a situação ficou tão insustentável que tiveram que mudar ele de sala e proibiram que ele se aproximasse de mim ameaçando expulsar ele da escola.
Mas a perseguição não acabou, eu por ser tímida, não falar e não rir quase nunca virei alvo dos meninos e algumas meninas, chamavam de vários nomes, riam, armavam ciladas para me humilhar,outros meninos também humilhavam passando a mão em mim, um deles eu cheguei a gostar e por conta disse ele me perseguiu e humilhou, eu pedi ajuda a professora varias vezes mas ela me mandava ficar quieta e uma vez até me tirou da sala de aula e assim foi até a sétima serie quando fiz amizade com algumas meninas que me protegeram literalmente.
Ao mudar de escola no segundo grau quando pensei que tudo havia acabado algumas meninas que bebiam muito e fumavam quando não quis amizade nem agir como elas, me perseguiram e chegaram a me roubar, fui ao diretor mas este nada fez.
Se tudo o que passei causou danos? sim, muitos, a humilhação constante, ser perseguida pelo simples fato de ser tímida me fez muito mal, ainda sou fechada mas já tive muito medo de meninos e de homens, ao ir em lojas quando via que o atendente era homem eu não entrava, não falava com médicos homens,eu tremia,sentia medo, em retraia, mas, no terceiro grau conheci um rapaz que me ofereceu sua amizade sem nem mesmo me conhecer, todos os dias ele vinha e me abraçava sem falar nada mas eu tinha a sensação que tínhamos conversado por horas e aquele simples abraço mudava o meu dia por completo.
Ele foi um verdadeiro anjo da guarda, alguém que conheci e pelo pouco tempo que ficou ao meu lado me trouxe uma alegria que nunca tinha tido e foi o primeiro a dizer que gostava de mim, o primeiro a me abraçar por que ninguém nunca havia me abraçado eu nem mesmo deixava que me tocassem de tanto medo e ele mudou tudo isso.
Dançou comigo na minha formatura, me disse que estava linda quando eu estava feia,fez questão de conhecer meus pais, costumo dizer que ele é um anjo disfarçado por que eu recebi o maior de todos os presentes.
Pouco tempo antes eu havia rezado pedindo a Deus para ter um amigo homem e algumas semanas depois eu o conheci,Luis Felipe.
Então o medo de homens se foi, me abri um pouco mais e hoje, valorizo muito um abraço e costumo dizer que um simples abraço é capaz de mudar nosso coração.
Mas tudo que passei e sofri ficou na memoria, causou danos sim, ainda tenho dificuldades em me abrir, nunca namorei e amigos, foram os da época de escola e após não tive mais.
Fiquei deprimida e me fechei novamente quando perdi o contato com o meu amigo e as amigas que pensei ter se afastaram, não quiseram mais contato, percebi que havia sido usada e então fiquei em casa, não arranjei emprego, não fiz faculdade, passei mais de 10 anos quase sem sair de dentro de casa, hoje fazem mais ou menos 15 anos que não faço absolutamente nada.
Fiz terapia por dois anos, hoje estou fazendo academia e tentando me reerguer, sair da casca como dizem e conseguir viver.
Bullying é uma coisa seria e pode acabar com a vida de uma pessoa e as vezes literalmente.
Pessoas boas e calmas podem pegar uma arma e matar pessoas inocentes até e serem chamadas de monstros quando na verdade as humilhações, as agressões constantes durante anos as afetou de tal forma que a unica coisa que queriam era vingança.
Eu também pensei em me vingar, eu cheguei a odiar essas pessoas que me fizeram tanto mal mas percebi que não iria adiantar nada, elas é que são doentes de verdade, elas é que precisam de ajuda para que não prejudiquem mais ninguém, para que não acabem mais com tantas vidas.
Bullying é serio e enquanto diretores, professores e pais não tomarem uma atitude com quem o pratica isso vai continuar e tende a piorar.
Uma estudante de uma faculdade quase morreu, ela era ignorada pelas colegas de classe e quando teve que fazer um trabalho em grupo e a excluíram ela foi falar com o diretor da faculdade que ordenou que a incluíssem em algum grupo para terminar o trabalho, por conta disso na saída da escola a agrediram fisicamente, ela teve sérios danos no rosto, ficou cega de um dos olhos, seu cranio chegou a ser afundado.
Ninguém impediu a briga, ninguém fez absolutamente nada, e as meninas que a agrediram? estão soltas, estudando em alguma faculdade, ninguém fez nada.
Hoje bullying é crime, se alguém fizer isso com você não procure o professor ou diretor da escola ou faculdade, vá a delegacia mais próxima e denuncie, infelizmente nas escolas e faculdades professores e diretores se recusam a ver a gravidade do problema e se recusam a fazer qualquer coisa para ajudar quem é perseguido.
Bullying não é uma brincadeira de crianças, pode chegar a agressão física, pode matar.

Relacionado...

20 Conversas em “Sobre Bullying,preconceito e outras historias

  1. Isso realmente é muito relativo a cada temperamento. Por exemplo eu, sempre participei das brincadeiras dos amigos da escola mais nunca sofri nada com isso. Também depende muito se for um assunto muito pessoal, do qual a criança tenha vergonha.

    dreamsboreallis.blogspot.com Super textos (:

  2. Olá Fernanda !! Adorei nosso papo !! Vejo que teremos muita conversa pela frente !! 🙂
    Sobre sua questão das fotos nos comentários , cada template é de um jeito, mas a minha área de comentários eu personalizei com estes tutoriais aqui : http://www.candylland.net/2012/04/new-styles-for-threaded-comments.html e http://www.candylland.net/2012/01/personalizando-os-comments-codigo.html
    De repente com as personalizações, você consegue as fotos de volta 🙂
    Vou dar uma pesquisada no Google pra ver se acho alguma coisa a respeito e te aviso 🙂
    beijosss

  3. Oi Samanta,
    Primeiro, obrigada por visitar e comentar no meu blog fiquei muito feliz.
    Bem, eu também tenho depressão dessas que te derrubam, talvez por isso eu não saia quase de casa, eu cheguei a querer me matar, planejei e tudo mas por um desses "acasos" da vida encontrei alguém que conversou comigo e me ajudou e vi que eu estava apenas sendo covarde por querer morrer e que na verdade isso não iria me ajudar em nada.
    Esportes é…recentemente eu torci o pé no caminho da academia sabe rss pois é, agora eu estou em recuperação e vou fazer fisioterapia depois vou poder voltar a fazer o que mais amo no mundo, entrar dentro da aguá, seja piscina seja mar, desde que seja aguá, eu fazia hidroginástica por que relaxava,tirava dor e era só alegria por que eu ia no horário em que as senhoras iam entende e poxa, que alegria elas tem tomara que chegue nessa idade assim.
    Creio que muitas foram abusadas e nunca contaram nada, um menino, dois chegaram a quase me abusar, digo quase por que eles só passaram a mão na perna para me humilhar entende mas deve ser muito ruim isso, só posso imaginar, que bom que você esta conseguindo melhorar, se ajudar realmente pelo seu blog da para ver bem,
    Fiquei feliz em conhecer seu blog e de você ter respondido tão rapidamente, obrigada e pode ter certeza de que vou acompanhar sempre seu blog, seu twitter xiii quando gosto de alguém vai longe rss
    Abraço grande Samanta e obrigada mais uma vez e toda felicidade desse mundo para você.
    Um ps: pode me dizer como faço para as fotos dos comentários aparecerem? mudei o tema e puff, sumiu

  4. Olá Fernanda !! Parabéns por ser corajosa em diversos aspectos, muitos tem receio de expor este tipo de história, mas esta sua atitude com certeza ajudará a muitos ! Sua coragem também se mostra noa força para nunca desistir e estar sempre procurando melhorar, superar e seguir em frente para viver sua vida ! Este é um problema muito sério que precisa de atenção das pessoas e das autoridades, pois os danos psicológicos são catastróficos.
    Não passei por isso, mas sofri abuso sexual, o que me deixou mais ou menos com o mesmo comportamento que você, eu tinha medo de homens, quase não falava com as pessoas e até hoje tenho dificuldades em certas áreas. Procurei ajuda profissional quando entrei me uma depressão profunda e não conseguia mais fazer nada devido ao sofrimento.
    deu certo e isso me ajudou a mudar bastante. Sempre fiz esportes, e isso me ajudou na vida pois eu trago para meu dia a dia a superação dos atletas, quando eu vejo algo que não sei fazer ou que me amedronta, vou pra cima e me forço a fazer as coisas, desta forma vou me libertando dos meus medos.
    Também não fiz faculdade, mas por necessidade de trabalhar para poder sobreviver, hoje em dia ainda não tenho condições, mas um dia farei 🙂
    Nunca perca esta alma guerreira que vive em você e que lhe dá forças para prosseguir, faça tudo ao seu tempo, se esforce como está fazendo e tenho certeza de que muitas alegrias ainda virão 🙂
    Parabéns pela coragem em expor suas experiências e sentimentos para nós !
    Grande beijo e bom restinho de semana !

  5. KGeo

    A escola para mim nunca foi uma prisão, ao contrario, foi minha segunda casa e tive muita sorte em ter conhecido as pessoas que conheci, se elas não foram minhas amigas ao menos posso dizer que elas me ajudaram e me mudaram e sempre vou te-las comigo no meu coração…a escola é importante para aprender, quando estamos lá pensamos que não vamos usar tudo aquilo que querem nos ensinar porém, quando precisamos de um emprego logo vemos o quanto era importante o que estudávamos ou deveríamos estudar .

  6. Priscíla,
    Acho que muitos já passaram por isso antes mesmo dessa palavra existir e pelo menos eu me sentia culpada,achando que eu tinha algo de errado,superar agente tenta a vida toda, alguns infelizmente não conseguem.

  7. um dia eu ouvir uma definição muito boa do que erá a escola, era uma mini-prisão, se a pessoa n se cuidar pode sofrer, quando eu for pai, vou tentar fazer o máximo por meu filho aprender a desenha, desenhista n sofre bullyn no colergio, eu já sofri de Bullyn, mas como eu tinha o meu grupo, bullyn é uma coisa que eu n liguei mais.

  8. é uma historia triste
    não sei que dizer, cada pessoa tem um jeito de lidar com ma situação dessa
    mas torço pra pessoas que sofreram com esse tipo de situação consigam se recuperar

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *